Artes do Circo

AGENDA

Circo Stankowich

De origem romena, o Circo Stankowich mantém uma tradição de mais de um século na qual a arte circense vem transmitida de geração para geração.

No ano de 1850, Pedro Stankowich e sua família chegam na américa do sul, fugindo da primeira guerra que acontecia naquele momento na Europa. Em 1856, Pedro Stankowich chega ao Brasil somente com com os animais amestrados, pois tinha perdido o circo que naquela época ja existia na Romênia. Juntamente com várias famílias circenses vieram para São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. No estado de Minas Gerais, a família ficou numerosa e teve que se dividir porque era difícil todos trabalharem juntos.

Ao chegarem em Soledade, uma pequena cidade do Rio Grande do Sul, Constantino Stankowich, filho de Pedro Stankowich, conheceu Aurora que era professora na sua cidade.
Ela tinha 21 anos quando o circo passou por ali, se casaram e seguiu com o circo. Antônio Stankowich, um dos filhos de Constantino e Aurora Stankowich, nasce em 1935 na cidade de Guaíba, Rio Grande do Sul, faz parte da quarta geração da família Stankowich. Foi acrobata, malabarista, trapezista, equilibrista e palhaço com o nome de "Lamparina", nome esse herdado de avos e tios. Aos 23 anos teve o privilégio de ser diretor e proprietário do circo, imcubido de ser responsável pela família e pelos funcionários.

Ao passar do tempo, para que o circo não morresse, contrataram artistas para a segunda parte com altos dramas, além de grandes shows de rádio e televisão. Nessa época tratava-se de um circo de médio tamanho. Hoje, Antonio Stankowich juntamente com a esposa Miriam e os filhos Adriana, Márcio e Marlom, construíram a grande companhia considerada pelos grandes críticos e empresários circenses como sendo um dos maiores circos da América Latina.

Para outras informações visite o site

VEJA MAIS

Conto desatento
Jesús Jara apresenta um conto, pra lá de desatento. Palhaços, atenção ao cumprimento das normas!
Um breve conto palhaço
Um conto curto para escutá-lo ou melhor, para lê-lo, de uma maneira especial

PARCEIROS